Vamos Tricolor, queremos o CHARMOSO Gauchão!!

E queremos muito…

Sério mesmo? Uma manchete sensacionalista dessas, estilo faz o caça-cliques demitido de três rádios e que agora faz programas com o ladrão de biscoitos e o ex-assessor de imprensa que cospe na cara de colegas, em canal desconhecido? Explicaremos, pois.

Precisei dar uma saída da cozinha do Hospício para buscar mantimentos. Aqueles que não consigo cuidar, porque ora azeda o leite, ora empapa o arroz, só não pode deixar queimar a rosca, como os citados acima. Dito isso, escuto numa emissora sintonizada no veículo que chamei via aplicativo, o cidadão das Papoulas PREOCUPADÍSSIMO com o treino fechado do Grêmio para a estreia do maior campeonato da aldeia RS, o famoso Novelettão. O cujo externou que não pode César Bueno, técnico deste começo de temporada, cerrar as portas para a imprensa que quer conhecer o elenco a disputar tão honroso certame. Afirmou ainda que a preparação alvirrubra está muito melhor que a do TRICAMPEÃO DA AMÉRICA.

Senhores, para quem chega da Lua e escuta isso, pensa que o caos está estabelecido. Porém, sequer o grupo que viajou para os Emirados Árabes Unidos se reapresentou. Exatamente isso! Ainda GOZAM merecidas férias, depois de um ano longo. Poucas foram as baixas do grupo, reforços pontuais e necessários chegaram, quiçá, melhores do que aqueles que se foram. Ok, ainda precisamos de peças? Sim, mas a direção está bem ciente e trabalhando para tal. Aí entra outra vírgula neste contexto: as barrigadas. Quantos artigos já foram escritos aqui em nosso Hospício com esse tema? A nova da vez é Alan Ruiz. Esqueçam! Não foi feita proposta alguma e tem pelo menos cinco para sua posição. Todo dia, dois ou três nomes são ditos pelos ‘formadores de opinião’ que só dão bola fora. E extravagâncias não serão feitas. No momento certo, teremos os atletas à disposição do MITO Renato Portaluppi.

Foto: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA
Foto: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

Voltando ao tema do título, a ideia de jogar o Estadual com a Escolinha ali do Cristal não vingou porque parece que não é possível colocar crianças com os profissionais. Ainda averiguaremos esta informação (sim, isto é ironia ou piada sem-graça), mas para apontar a importância que damos neste torneio cada vez mais falido. É importante para os Clubes do interior? Sim, muito. Então que os valorizem, deem condições aos trabalhadores, mas esqueçam a ideia de buscarmos com unhas e dentes a faixa no peito. Quando precisou, lá no passado, como em 1935, ganhamos. Hoje, quem corre atrás disto é time pequeno, que nada mais disputa (ou retornou da Segunda Divisão estraçalhando oponentes).

Portanto, ‘Vamos Tricolor, queremos o CHARMOSO Gauchão na P***quepariu’, porque o que nos importa é dia 14 de fevereiro, diante do Independiente, em Avellaneda, o duelo dos Reis de Copas, competição que a IVI desconhece em seus diários.

Ainda bem que a corrida era curta e desci em seguida, não sem antes dizer ao motorista que colocasse via bluetooth em seu rádio uma emissora de verdade para as próximas oportunidades: a Rádio Hospício Tricolor, que está bombando!!

Um abraço,
Gui Zado, o cozinheiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: