Cavalcante – O Porteiro

Mimimimimi…

Cavalcante: Originalmente era um dos Muppets e se apresentava no Muppets Show, aos domingos na Globo. Em 1977 foi presenteado pela emissora ao jornalista Paulo Sant’ana, que, sendo gremista na emissora RBS, era muito solitário e sonhava em ter um filho. Numa noite a fada Fernanda Lima, compadecida com a situação, transformou o pequeno Muppet em um boneco vivo ao qual deu o nome de Cavalcante. Para encurtar a história, depois de muitas aventuras e desventuras com o grilo falante (apelidado carinhosamente de Volódia Jr.), incluindo ser escravizado pelo malvado Pifferotolli no seu Beira-Circo de bonecos burros, Cavalcante salvou seu pai Sant’ana de dentro do estômago da baleia KennyBraga e, por ser um bom boneco, foi recompensado pela fada virando um menino de verdade. Cavalcante deixou a casa de seu pai diretamente para trabalhar como Porteiro do Hospício e apresentador do programa CAMISA DE FORÇA na Rádio Hospício.

Pontos Fortes: Por suas faculdades bonequisticas, consegue suportar os internos sem cometer crimes. Quando comete crimes, como o sumiço do Dj DUSMEO, ninguém reclama.

Pontos Fracos: Usa um celular android e prefere puxa-puxa quebradiço ao invés do molenga. Também fala “Táquis” ao invés de “Táxi”.

Fale com Cavalcante no email cavalcante@hospiciotricolor.com.br e através do Twitter @ocavalcantereal ou lustrando a estátua do Renato quando estiver pronta.

Cavalcante é um personagem de Maciel (todos os direitos reservados)