O BRASILEIRÃO SE INSINUA…

O Brasileirão matreiramente se insinua para o Grêmio. Como aquela guria linda que flerta, provoca, sabe que a gente tá tentando uma coisinha com outra lindeza, mas mesmo assim atiça… E a gente, ainda meio acanhado olha por sobre o ombro para ver se é com a gente mesmo e para ter certeza que não é para outro mais atrás. E ela lá toda sorrisos, mão no cabelo, deslumbrante, consciente do seu poder, atirando uma olhada pro nosso lado como uma flechada e com uns 4 outros na sua volta. Todos babando, uns que há muito, muito tempo não ficam com ninguém nem parecido, mas estão na volta. E fico com a sensação que se a gente tomasse coragem, enfrentasse a situação, fosse até ela e dissesse: Vem, que eu te quero! Ela largaria os outros 4 ali mesmo, sairíamos juntos e engrenaríamos um relacionamento desde já, ou pelo menos o flerte tomaria ares mais oficiais com ela destinando olhares cada vez mais específica e particularmente para nós (Sim, estou falando na primeira pessoa do plural e assumindo ares de entidade, somos metaforicamente a torcida do Grêmio e a garota linda o Brasileirão). Ela está ali, aguardando a gente tomar coragem, tal qual o Brasileirão que parece nos provocar, nos chamar e a gente ainda segue titubeante.

Olhamos pro lado e temos a Libertadores, quase lá, dá pra chegar. É como o adolescente de coração dividido pela guria linda que ele já ficou e arrisca um caso, que nos toma o coração e enlouquece de paixão (LA) e outra tão linda quanto (BR), que também lança olhares animadores e nos povoa o pensamento. Estamos naquela fase que parecemos atrair tudo de bom, sabemos do nosso potencial, mas ainda assim uma certa timidez nos impede de tomar a dianteira e fazer a frente. E bate um sentimento de culpa, pô, tenho quase um compromisso, eu quero e ela (LA) também parece querer, e agora aparece esta outra… Como pode o coração se dividir em dois? Como posso querer tanto as duas ao mesmo tempo? Como vou querer outra se quero tanto a LA? Posso?

Che, larga de bestagem. A Libertadores e o Brasileiro não são gurias lindas e nem são relacionamentos. Dá pra querer e ficar com as duas taças ao mesmo tempo, sim!!! FOCO!!! Bora que dá pra buscar, ninguém acha que vai ser fácil, mas que dá pra ficar com as duas, ah isto dá.

#QUEREMOSACOPA

Saudações Tricolores

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: