DROPS DO HOSPÍCIO – Bélgica 3 x 2 Japão

DROPS DA COPA

Jogaço. Japão deu um baile na zaga belga. Jogou sua melhor partida até aqui na Copa. Chegou a abrir 2 x 0 e incrivelmente tomou a virada. “A bola pune”, dizem alguns. Pois aquele constrangedor jogo contra a Polônia acomodando o empate cobrou a fatura do Japão.
A Bélgica, após o 2 x 0 contra, resolveu martelar e ir pra cima e ficou um jogo aberto, empolgante. O Japão foi infantil. Ou inocente. Abriu 2×0 e deixou virar. Faltando 30 segundos pro final da partida, se encaminhando para a prorrogação, mete todo mundo na área num escanteio. Subiram os dois zagueiros e deixaram o meio aberto, para um time de ataque rápido. Tomaram contra ataque previsto e didático. No último lance do jogo, o centroavante que não fez gol na partida deixa a bola passar num corta luz magistral que desencaixa toda zaga japonesa. Baita jogada que mostra porque Lukaku é o melhor centroavante da Copa.
Do jogo, reafirmou minha impressão de que a Bélgica vaza constrangedoramente atrás. Jogo pro menino Ney se consagrar. Ou Gabriel Jesus. Ou Bob Firmino. Ou os três. Os caminhos vão se abrindo. Foco e atenção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: