Crônica de uma morte anunciada

Existem jogos que parecem decididos antes de acontecerem. O Grêmio, por mais que seus torcedores estivessem otimistas, nunca pareceu favorito nesse jogo. Jogo contra o líder na casa dele, o mesmo time que nos ganhou de dois a zero na nossa casa no primeiro turno, vindo de uma semana que tivemos quase um desfalque por dia…

Era o dia ideal para o Imortal Tricolor aparecer… mas ele foi sabotado por um tento logo no início. Que mania ruim essa de tomar gols antes dos 10 minutos de jogo… isso possibilitou o time de Felipão fazer o que o gringo mais gosta, que é amorcegar o jogo. Deixou a bola com o Grêmio e ficou amorrinhando o jogo. Tudo se encaminhava para uma vitória tranquila palmeirense por um a zero quando Bressan fez uma lambança no fim e deu mais um gol para o porco.

Não que tenha sido uma atuação vergonhosa… os verdes agiram certo e estrangularam o nosso time, anulando Luan. A saída de bola, com Maicon e Cícero na volância, fica lenta. E sempre sentimos a ausência de Everton, um dos poucos de nosso time que gosta de chutar a gol. Para não ajudar desajustamos o ataque. Até o jogo com o Tucuman vinha funcionando nosso ataque móvel, com Luan de nove verdadeiro mais dois jogadores de lado. Desde que Jael voltou voltamos a jogar com um nooooove (como diz RW) na área, o que piorou o desempenho de Luan sem acrescentar nada. Nos resta esperar que Renato não seja cabeça dura e volte para o esquema que deu certo.

O que fazer agora? Ir com tudo na Libertadores, e garantir pelo menos o quarto lugar no Brasileirão. Está na hora do Imortal Tricolor aparecer. E torcer para que o teorema de Baltazar Maria de Moraes se manifeste. Quem sabe Deus não está guardando algo maior para nós?

 

PS: Hoje logo após o Sala do Hospício (ao vivo) tem o meu programa, Cinema no Hospício, homenageando Dario Argento. Cinema de Horror na veia na Rádio Hospício…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: