Aquele que nunca nos abandona

Segundo Nelson Rodrigues o inimigo é mais leal que o amigo. Não te abandona nunca, te persegue até o teu fim e ainda vai tripudiar no teu túmulo. Nem o amigo é tão fiel.

A semana passada começou com o Grêmio sendo bombardeado pela IVI, dando de barato que o São Paulo ia ganhar do Sport Recife em casa e abrir dois pontos de distância sobre nosso time. Esqueceram que futebol não é ciência exata, que o improvável acontece… e que às vezes o impossível acontece. Na noite de segunda feira, contra todas as improbabilidades, o Sport empatou com o São Paulo no Morumbi, com direito ao time paulistano perder um pênalti. Impossível? Não. Foram apenas os Deuses do Futebol mostrando a sua cara.

Isso quer dizer que os próceres da IVI se acalmaram e pararam de pegar no pé dos gremistas? Nããããããããããooooo… ficaram é furiosos com o São Paulo…  e ainda tinha a novela Renato. Num momento de união vermelha a Flapress e a IVI se uniram para nos atormentar. Deram como certa a saída de Renato do Grêmio, Flamengo era o sonho de Renato, iam pagar uma Babilônia e montar o time que ele pedisse… tal foi o bombardeio que até o tricolor mais vacinado estava se despedindo de Renato, tamanha histeria não pode ser chute. E na quinta feira… surpresa… Renato fica. Para quem quiser ter uma ideia da desolação ivística existe um vídeo do momento do Sala de Redação que aparece a notícia, e o presidente da IVI se desmonta. Hilário.

Mas ainda tinha o jogo com o Curíntia domingo… surpresa, depois de várias partidas irregulares foi o nosso melhor jogo em muito tempo. Massacramos no primeiro tempo, 1 a 0 foi pouco, administramos no segundo, sem nenhuma chance de gol para eles. Vitória tranquila, vaga direta na Libertadores, jogadores de férias. Fim de ano.

Lendo os jornais dessa semana temos retratos distintos de nossos times. Colorado em melhor momento, ano decepcionante do Grêmio… tudo anda até você perguntar quantos títulos cada um ganhou… errr… o Grêmio tem a Recopa Sulamericana, além do Gauchão, que parece valer só quando o campeão é vermelho. E do outro lado… nada… foi a melhor campanha de um time gaúcho nos pontos corridos… err… não foi, com lembra o amigo RW. O Grêmio fez um ponto a mais em 2008, e ainda foi muito cornetado aquele ano por não ser campeão. É novidade um time voltar da segundona e conquistar vaga na Libertadores? Não, em 2006 o Grêmio fez exatamente isso, e nos disseram que time grande não comemora vaga… então qual título os colorados da IVI estão comemorando? Troféu Hiena? Troféu IVI?

Sobre o ano gremista… sim, há uma ponta de decepção no ar, aquela sensação que com esse time dava prá ter ganhado algo mais. Mas está longe de ser a tragédia grega apontada pela IVI. O início de ano sem pré-temporada cobrou o seu preço, exatamente na fase decisiva da Libertadores. Mas, por outro lado… temos uma base montada e vários jogadores bons prontos prá subir, que com a preparação adequada e alguns reforços pontuais podem nos dar muitas alegrias nos próximos anos. Nada de terra arrasada, bola prá frente que é prá frente que se anda. Quem fica parado é poste.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: