A DECISÃO DO GRÊMIO PASSA POR NÓS

Lá se vão muitos outonos desde que eu decidi que meu clube do coração seria o Grêmio. Não poderia ser diferente. Nasci campeão da América e do Mundo, enquanto o ex-tradicional-rival acumulava uns poucos torneios citadinos e outros CBD.
Mas algo daquela época segue espelhado aos dias atuais em meio a tantas mudanças de estação, clima, cotação do dólar e número de faixas no peito e taças no armário: a “imprensa”.
Quando criança, ouvia de pessoas de todas as etnias, credos, camadas sociais e pontos de vista, exatamente a mesma coisa, embora nem sempre com as mesmas palavras: “A imprensa é suja com o Grêmio!”.
Achava uma idiotice, até porque sequer tinha noção do que era “a imprensa”. Na minha inocente visão, me baseava nas narrações aparentemente empolgadas de Haroldo de Souza nos títulos de 83 (os dois) 89, 94, 95 e 96 em uma fita cassete, que eu havia adquirido fresquinha logo após aquele Brasileirão contra a Portuguesa. Assim, cresci com meu Gremismo impregnado no DNA, mas fazendo galhofas quando reclamavam da imprensa. Pensava eu “como a imprensa vai mexer no presente e/ou futuro de uma entidade?”.
Aí descobri que crescer e aprender ao mesmo tempo é um dom humano que poucos possuem. Mas que dentro desse universo estão as mais fantásticas descobertas que se pode imaginar, e que mudarão nossas vidas para sempre. Ao invés de tripudiar, passei a abrir a mente e ter contato com a “imprensa”. E suas entranhas me revelaram o tamanho do meu erro nos anos anteriores. O restante da história, deixo a cargo da imaginação do leitor.
O ponto que quero chegar é o anúncio do Grêmio de barrar entrevistas exclusivas aos canais do grupo RedB$. Você, Gremista, que dia-a-dia acompanhava a mesma canalhice, a mesma falta de pudor dos integrantes do “grupo” em esculhambar com o Grêmio, a mesma pastelice em opiniões óbvias e parciais dessa “imprensa”, e que, de saco cheio, resolveu invadir como nós as redes sociais e demais veículos impressos e escritos…você que já cancelou sua assinatura e que não acompanha mais os programetes dos afilhados do tal grupo…você tem noção do quanto sua participação foi e continuará sendo importante em nossa marcha de murchamento da IVI? Você tem noção de que já os consideramos invencíveis, e que por incrível que pareça o jogo virou? Você sabe que acompanhando e consumindo canais como o Hospício Tricolor, que não tem medo de expor a verdade e abrir seus olhos, você está prestando um serviço ao Imortal que eu jamais tive a oportunidade de usufruir no passado? Você tem dimensão de que pessoas influentes no RS, e cito apenas Cacalo Silveira Martins, são acompanhantes e fãs dessas mídias, pois cansaram de ser exército de um homem só em meio a tanta falcatrua?
Se você não sabe, estou lhe informando. Cada vez que cada um de nós se levanta em armas contra essa “imprensa”, um soldado a mais é recrutado. A IVI sentiu o golpe, e agora nos julga malucos, pra tentar ludibriar os menos instruídos. Acerta em cheio o presidente Romildo. Não está jogando pra torcida, e sim COM a torcida. Grêmio e torcida agora são um só no combate à IVI. Não sei se venceremos. Mas ao menos uma vez após décadas eles sentiram o drama. O bicho é bem mais feio do que eles pensavam, e isso é só o começo.
A decisão do Grêmio de isolar essa massa de manobra de si passa e continuará passando por cada um de vocês, gremistas como nós que queimaram o pavio. Um extenso pavio que ficou à mercê da IVI, e eles não tiveram noção do perigo. A bomba que eles alimentaram há quase um século explodiu, e eles estavam por perto. Pra testemunhar e pra saírem chamuscados.
Obrigado a cada um de vocês. A luta passou a ser leal. Coisa que na época das fitas cassete jamais imaginaríamos!
Entraremos pra história como a geração que parou a IVI. Ou não. A força nós temos. A união será o último cartucho pra dar o golpe de misericórdia nessa cafajestagem que outrora nos fazia de trouxas.
Viva o Hospício Tricolor, viva o Grêmio!
Se Romildo é por nós, quem será contra?
A IVI tem dias contados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: