A CULPA A QUEM MERECE

Você, que está lendo essas linhas regadas a uma taça de vinho 60% Isabel e 40% Francês, produzido a modo artesanal por meu melhor amigo de infância, juntamente com seu finado pai (acidentado no dia dos Pais, falecido a 24 de agosto de 2018), por certo já sabe o resultado do julgamento da Conmebol.
Lembro que ele sempre me falava das dificuldades que teve pra criar os filhos, o mais velho de forte personalidade, o mais jovem (aquele a quem me referi) com dificuldades cognitivas traumáticas desde a infância.
E jamais os culpou por isso. Pelo contrário. Sempre teve neles a base para uma família que, até seu precoce falecimento, era feliz. Todos Gremistas de fé, me conforta saber que ele viveu pra ver os últimos dois anos de nosso Grêmio.
Sua única revolta contra alguém foi uma tentativa de latrocínio contra a sogra, idosa e enferma, alguns anos atrás.
Esse bandido, ele jamais perdoou.
Apenas quero ilustrar nossa situação em 2018…há pessoas descarregando a raiva em Bressan, que jamais entrou em campo pra fazer mal ao Grêmio, e sim pra fazer o melhor que conseguiria. Em Éverton, por ter errado um gol que Messi, Maradona, Pelé, CR7, todos já perderam.
Em Renato, pois sempre vão achar erros em Renato, por mais que acerte. No gramado da Arena, como se houvesse escolha perante um contrato mal feito em 2012. Todos culpados, menos o verdadeiro culpado.
O futebol perdeu os escrúpulos…qualquer entidade séria, diante dos fatos que ocorreram em Grêmio x River, julgaria no dia seguinte com causa ganha a nosso favor.
Qualquer imprensa séria de um estado, apoiaria incondicionalmente seu representante que está com a razão.
Mas não…é a Conmebol e a IVI. E a ponta fraca desse iceberg vai na onda, procurando consequentemente culpados dentre os que só estão ali pra tentar nos defender.
Vou dar um conselho a alguns “torcedores de resultado”: a exemplo do meu finado amigo, jamais culpem seus filhos por suas agruras. E sim, culpem os bandidos quando eles lhes fizerem mal.
Deixem Bressan, Éverton, Renato e afins em paz! Levamos um gol de mão, um pênalti interpretativo e uma expulsão absurda, um treinador rasgando o regulamento e cuspindo na cara da gigantesca Nação Tricolor, infringindo regras e achando graça disso. Um auxiliar que desdenhou do que aconteceu, fazendo piadinha de mau gosto, e o “finish him” de um tribunal que altera datas e horários de veredicto de forma irresponsável e fanfarrona…e vamos culpar quem está do nosso lado??
Se posso dar um pitaco, vamos culpar os verdadeiros culpados caso tudo tenha dado errado. Se fores assaltado na rua, não culpe a prestação que seu filho fez e lhe mandou pagar…culpe o ladrão que levou seu suado dinheiro e a justiça que não age com ele como deveria.
Quando o relógio marcar meia-noite, tudo voltará ao normal.
De todo modo, teremos um Superclássico na final. Justo ou não.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: