2019 JÁ COMEÇOU!!!

As feridas daquela desclassificação na Libertadores ainda estavam abertas, machucadas e sangrando. Acabaram cicatrizando após a grande notícia de que o Renatão fica. Que bálsamo. Ânimo completamente renovado e vamos pra Libertadores, fase de grupos e cabeça de chave. 2019 já começou e saímos na frente. De sobra, Geromel e Kannemann tiveram seus contratos renovados. E isto tudo no 29/11, data marcante da conquista do TRI da América. Que dia gremistada!!! Pra lavar a alma. Cronometrado. Presentaço. Uma nova injeção de ânimo nos gremistas.

A torcida estava doída, machucada neste final de ano que se encaminhava para um final melancólico. Um ano que, apesar não ter sido ruim, ganhamos o Gauchão e a Recopa (a verdadeira, não aquele embuste que FGF armou por estas bandas), estava decepcionante na reta final. Este jogo contra o Corinthians volta a mostrar o potencial latente deste grupo. Ainda quebrado fisicamente, cheio de desfalques, com algumas peças rendendo bem menos do que já renderam, fizemos um primeiro tempo de encher os olhos. Domínio completo. Maicon mostrou porque é o Capita, jogou o fino da bola, maestro do meio-campo. Ontem jogou mais avançado, mais livre fazendo as vezes de armador e saiu-se muitíssimo bem. Everton passou por cima dos adversários, literalmente. O Cebolinha está jogando muito. Leo Moura, um dos melhores laterais em atividade no país no auge de seus 40 aninhos. Kannemann, um monstro. Alisson, Obrigado Cruzeiro!!! Olhando o time no primeiro tempo, consegui ver características daquele Grêmio do primeiro semestre, e olhem que a gente estava sem Grohe, Geromel e Luan. 3 pilares deste Grêmio vencedor. Assistindo o segundo tempo, consegui enxergar o Grêmio do segundo semestre. Lastimo que a preparação física tenha sofrido tanto em 2018 por vários fatores já abordados no Hospício (os internos entendem do riscado. Somos loucos, mas pelo Grêmio) e que tenhamos sentido nesta reta final com lesões e desgaste físico. Nosso time, em cima dos cascos, joga muita bola. É aproveitar as férias, descansar, recuperar todo mundo e voltar com foco em mais taças que elas virão em 2019.

Alguns reforços chegarão para brigar por titularidade e teremos grupo forte para o ano que vem, como falou o Presidente Romildo. Mais forte do que 2018. Com uma pré-temporada decente, grupo descansado, jogadores recuperados, um trabalho forte e bem feito de base física, somado a reforços nos garantirá um grupo maior e mais qualificado para aguentar o tranco e ir buscar mais taças em 2019. Fiquei com a sensação, ouvindo o Presidente, que o Brasileirão começa a se tornar foco e obsessão dentro do Grêmio. Que assim seja. Está na hora de voltar a ganhar um Brasileirão.

Ah, e que festa linda nas arquibancadas. Baita recepção na entrada dos times em campo e homenagem ao Renato com Trapo novo.

Saudações tricolores

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: